Cuidados com os cabelos tingidos: Pretos, loiros e vermelhos!

Postado por Cantinho da Beleza e Cia. às 23:18:00
Reações: 

A impressão é que os cabelos tingidos só ficam bonitos assim que saímos do salão. Mas a verdade não é bem essa. Com manutenção reforçada, eles vão esbanjar brilho, maciez e cor até a próxima visita ao cabeleireiro.


 
Pretos e castanhos:
 
 

Problema: Pontas acabadas


Os cabelos tingidos tendem a ficar mais secos por causa de todo o processo químico e pedem hidratação reforçada. Nem sempre a oleosidade natural, produzida no couro cabeludo, é suficiente para hidratar todo o comprimento ou chegar às pontas, que mais sofrem com isso. Em pouco tempo, elas ficam quebradiças e duplas.


Solução: Corte + Powerdose de silicone


Não tem como fugir: se as pontas estão muito comprometidas, a única solução é passar a tesoura. "Se cortarmos um ou dois centímetros, já é o suficiente para eliminar as partes danificadas e deixar o cabelo mais uniforme. Sem contar que o corte periódico, pelo menos uma vez a cada mês, também ajuda a fortificar a fibra", comenta o cabeleireiro Edson Risco, do salão Neandro.com. E, nas pontas novas, exagere nos finalizadores com silicone.




Problema: Manchas à Vista


Uma das grandes reclamações das morenas são as raízes manchadas. Isso só ocorre quando a coloração é mal aplicada. Se o produto não é espalhado direito na cabeça, sua ação não é uniforme. Por isso, fique atenta!


Solução: Retoque na Raiz


O retoque de raiz não é indicado somente quando o cabelo começa a crescer. Quando as manchas aparecem, também é preciso recorrer a ele. Essa reaplicação tem que ser muito bem-feita para não piorar ainda mais a aparência dos fios. O tempo de ação precisa ser respeitado e todo cuidado é pouco para que a coloração não manche o resto da cabeleira. E, da próxima vez em que for necessário tingir todo o cabelo, avise o profissional das manchas que apareceram e do retoque.

 
 
Loiros:
 
 
Problema: Eles Pedem Água



Os cabelos coloridos com tons muito claros, como os loiros, ficam super-ressecados. "Isso acontece porque a concentração do oxidante, usada para destruir os pigmentos naturais é alta e agride a fibra capilar", explica Edson. Também ficam sem brilho e perdem a maleabilidade.


Solução: Queratinização


"Esse tratamento é um coquetel rico em queratina, que fortalece e hidrata o fio de cabelo", fala a cabeleireira Luciana Alvarez, do salão Scenario. Outra vantagem é que atua só nas fissuras, onde falta a proteína. Para deixá-los flexíveis, é preciso intercalar as sessões de nanoqueratinização com as de hidratação úmida. Depois desse processo todo, a manutenção pode ser feita em casa. Invista num produto de qualidade, enriquecido com manteigas ultra-hidratantes, como a de karité, e aplique a cada quinze dias.


Problema: Tudo Verde!


Um dos dramas mais comuns provocados pelo cloro. "As moléculas penetram na cutícula por meio das escamas porosas. Lá dentro, elas reagem com os pigmentos e deixam essa cor esverdeada nos fios", diz Luciana.


Solução: vinagre quente + proteção dobrada


O vinagre é um ótimo neutralizante da ação do cloro. Aqueça uma quantidade suficiente para espalhar pelo cabelo todo e aplique logo após o xampu. Depois de agir por cinco minutos, enxagüe e aplique um condicionador potente. Faça uma vez por semana.


 
 
Vermelhos:
 
 
Problema: Cor Zero
Os ruivos e acobreados sofrem com a perda da coloração. "Esses fios desbotam porque os pigmentos vermelhos não têm boa fixação e são muito voláteis", diz o hairstylist Edson Risco. Eliminados com as lavagens ou mesmo com o passar do tempo, o cabelo colorido com os tons ruivos logo ficam opacos.



Solução: Banho Tonalizante + Ampolas de Fixação de cor


Os tonalizantes não têm amônia e quase não agridem a integridade do fio. Assim, combinados com ampolas de fixação de brilho, ajudam a reavivar a cor e a dar brilho. Mas é um processo para ser feito no salão. O profissional vai avaliar o tom e a ampola ideais para os seus fios.


Problema: Baixa Resistência


Assim como o cabelo vermelho perde pigmentos, junto, ele perde proteínas importantes. Aliado a fatores externos, como os raios solares, poluição, ar-condicionado e mar, o resultado não é dos melhores. Fios fracos, pouco resistentes e sem vida.


Solução: Cauterização


É um dos tratamentos mais procurados nos salões de beleza. Tanta badalação é porque reestrutura e recupera o cabelo profundamente. "Ele é indicado nos casos em que a cutícula está muito sensível e a fibra enfraquecida", fala Edson Risco.
O primeiro passo é lavar o cabelo com um xampu de limpeza profunda para eliminar os resíduos de poluição e finalizadores. Assim, a fibra fica pronta para receber o coquetel de proteínas, aminoácidos e ativos hidratantes que vai agir no cabelo por 15 minutos. Depois, é só enxaguar com água fria e modelar. Recomenda-se fazer a cauterização a frio uma vez por mês.










0 comentários:

Postar um comentário

Deixe seu comentário, sua opinião é muito importante para o Blog!!!

 

Cantinho da Beleza e Cia. Copyright © 2010 Designed by Ipietoon Blogger Template Customizado pelo Cantinho do Blog. Imagens Jogo de Meninas e pngs Deviantart