O que realmente faz mal e o que é mito sobre a sua saúde

Postado por Cantinho da Beleza e Cia. às 15:40:00
Reações: 
Celular e garrafas plásticas causam câncer... Refri estraga os dentes... Alicate de unha transmite hepatite... Será? Para acabar com as dúvidas, levantamos a verdade por trás de dez lendas urbanas. Você vai se surpreender!

Quando se fala em saúde, inúmeras histórias surgem para tentar explicar certas doenças ou irritações ao corpo. É aí que surgem os mitos em relação a autobronzeadores, absorventes... Desvendamos esses mitos e ajudamos você a saber com o que realmente deve se preocupar e o que deve esquecer, pois é pura balela.

Confira!

1. A longo prazo, autobronzeador faz mal à pele?

É LENDA: Eles não oferecem perigo, exceto nos casos de alergia específica ao produto, segundo a dermatologista Jane Tomimori, professora da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp). Mas é bom ficar atenta, pois o falso bronzeado pode mascarar a vermelhidão no caso de você ficar tempo demais sob o sol. Aí, sim, será problema, uma vez que sua pele sofrerá os efeitos negativos dos raios ultravioleta (como o envelhecimento precoce).

2. Falar muito ao telefone celular pode causar tumor cerebral?

É LENDA: Segundo o médico Ian Olver, presidente do Cancer Council, na Austrália, ainda não há comprovação de que o uso do aparelho por mais de dez anos pode levar à doença no cérebro. Para reforçar a informação, um estudo recente realizado nos Estados Unidos com milhares de pacientes que sofrem de câncer não detectou relação direta dos tumores com o uso do celular. Mas NOVA adverte: exagerar nas conversas causa um grande estrago na sua conta bancária.


3. Andar descalça no vestiário da academia é pedir para ter micose?

VERDADE: Se você tem preguiça de calçar o chinelinho para tomar uma ducha, precisa rever seus conceitos. O chão do vestiário é a meca dos micróbios: por ser quente e úmido, torna-se o ambiente perfeito para a multiplicação de germes e fungos. O resultado são micoses, micoses, micoses. E não pense que os pés são os únicos que correm risco. O dermatologista Rodrigo Azevedo Brunnquell, membro da Sociedade Brasileira de Medicina Estética, recomenda que você evite sentar nos bancos sem roupa ou sem toalha. "Assim, protege a região genital e a virilha também."

4. Fazer as unhas na manicure facilita pegar hepatite?

DEPENDE: "É perigoso se os materiais não são esterilizados adequadamente", afirma o dr. Brunnquell. Eles precisam ficar mais de duas horas a uma temperatura de 160 graus, em uma estufa ou autoclave, para destruir os vírus do HIV e da hepatite. Não por acaso, pesquisa recente mostrou que uma em cada dez manicures de São Paulo tem hepatite do tipo B ou C, ambas transmitidas pelo contato sanguíneo. O perigo maior ocorre na hora de remover a cutícula, por causa de possíveis microssangramentos. E tem mais: bactérias e fungos também podem ficar escondidos em lixas e alicates. Resultado: micose da unha ou perionixite — inflamação da pele ao redor da unha. Para evitar essas doenças, melhor levar seu próprio kit mais o esmalte.

5. Garrafa de água pode dar câncer?

É LENDA: Embalagens plásticas para bebidas e latas para alimentos contêm bisfenol A (BPA), substância usada para evitar que eles fiquem com gosto de plástico ou metálico. A polêmica começou porque pesquisadores relacionaram o BPA com o desenvolvimento de lesões pré-cancerígenas em animais de laboratório. No entanto, as doses administradas durante os estudos foram altíssimas. Nada comparado ao que as pessoas consomem, segundo Ian Olver. Além disso, não há garantia de que os seres humanos teriam a mesma reação.


6. Segurar o xixi pode causar infecções?

VERDADE: "Isso porque a urina frequentemente promove a eliminação de bactérias que podem estar se multiplicando", explica o ginecologista Marco Antônio Lenci, do Hospital Israelita Albert Einstein, em São Paulo. E, como a uretra da mulher é curta e fica perto da vagina e do ânus, a contaminação e a proliferação de bactérias dentro dela e da bexiga fica mais fácil de acontecer. Falando nisso.... já foi ao banheiro?


7. Melhor pôr logo um absorvente interno para fluxo intenso, que protege por mais tempo?

É LENDA: O uso prolongado de um absorvente interno aumenta o risco de você desenvolver a síndrome do choque tóxico, doença infecciosa, rara e grave. "Ela é um conjunto de sintomas causados pela presença e absorção de toxinas produzidas por uma bactéria", explica o dr. Lenci. O certo é trocá-lo a cada quatro horas. E, para dormir, não invente: absorvente tradicional.


8. Refrigerante estraga os dentes?

VERDADE: O pH de refrigerantes e isotônicos, em geral, é ácido. Em excesso, podem provocar o envelhecimento dentário por meio da erosão. Ou seja, da dissolução gradual do esmalte. "Além de gerar sensibilidade, isso facilita fraturas, já que o dente fica mais fino e sem proteção", explica o cirurgião-dentista Lauro Delgado Júnior, de São Paulo. E não adianta trocar o refri pelo suco pronto (inclusive os de caixinha), porque ele causa o mesmo dano.


9. Anti-inflamatório é melhor que analgésico para cólica menstrual?

VERDADE: Esse tipo de medicamento reduz a produção e a liberação de várias substâncias, como as prostaglandinas. Elas são responsáveis pela contração uterina, que leva à cólica. "É interessante começar a tomar o anti-inflamatório um ou dois dias antes da menstruação e seguir até o fim", ensina o dr. Lenci.


10. Maçã substitui a escovação?

É LENDA: Mastigar a fruta, assim como cenoura e chiclete sem açúcar, ajuda a adiar a escovação. O atrito com alimentos mais duros remove superficialmente os resíduos. Já o chiclete, embora não limpe entre os dentes, ajuda na higiene de forma geral. Por isso, assim que tiver oportunidade, jogue o chiclete fora e escove bem os dentes.

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe seu comentário, sua opinião é muito importante para o Blog!!!

 

Cantinho da Beleza e Cia. Copyright © 2010 Designed by Ipietoon Blogger Template Customizado pelo Cantinho do Blog. Imagens Jogo de Meninas e pngs Deviantart