Fios coloridos podem ser tão saudáveis quanto os virgens. Saiba por quê

Postado por Cantinho da Beleza e Cia. às 00:23:00
Reações: 


Imagine a situação: você nasce morena, fica loira na adolescência e adota o castanho na vida adulta. Normalíssimo. Afinal, as prateleiras das farmácias estão lotadas de tinturas, existem centenas de cores a escolher. Mas apesar da liberdade capilar do mundo moderno, muitas ainda se sentem culpadas por colorir os cabelos, acreditando que podem estar submetendo os fios a uma violência. Se você está nesse grupo, acalme-se. Especialistas garantem: cabelos virgens não necessariamente são mais saudáveis que os tingidos.

O hairstylist Marcio Mello, do salão carioca Éclat, pondera, entretanto, que os cabelos virgens têm uma certa vantagem. Afinal, os tingidos acabam sofrendo alguma agressão, já que normalmente as colorações contêm amônia, substância que resseca a fibra, retira água e nutrientes. "Mas hoje em dia já existem produtos que tratam. Essa área da cosmética evoluiu muito", diz o especialista. Fora que a pessoa pode coordenar a tintura com outros tratamentos restauradores.


Dilma Xavier, colorista do HBD Spa, também no Rio, concorda: "Com as tintas que temos hoje em dia, os cabelos não sofrem com antes". Ela afirma que, embora a coloração influencie na qualidade dos fios, ela não é preponderante. "Existem cabelos que não têm química, mas são superfragilizados por agressões térmicas, por exemplo. E existem coloridos super bem tratados e saudáveis", justifica a colorista.

Mello lembra que a descoloração, procedimento que quase sempre precede o tingimento, altera a estrutura capilar porque o fio perde proteína, lipídio, aminoácido e outros nutrientes. "Os cabelos virgens não receberam amônia nem nada, mas, muitas vezes, estão danificados devido ao uso do secador, chapinha, contato com sal e cloro. Em se tratando de cabelo, tudo é relativo", completa.

Agora, uma coisa é certa: mesmo que a coloração seja bem-feita, o cabelo que se submete a esse procedimento está mais sujeito ao ressecamento, já que as oxidações e o uso da amônia deixam as cutículas mais abertas, podendo causar danos externos aos fios. É o que explica Andrea Gomes, do Centro Técnico do Walter's Coiffeur. Mesmo quem faz apenas mechas com pó descolorante está sujeito à desidratação capilar. Por isso, atenção redobrada!

Aquelas que, além de tingir, submetem as madeixas a outras químicas, como a dos alisamentos, por exemplo, precisam se cuidar. Nesse caso, os fios ficam mais vulneráveis à queda, à quebra e ao aparecimento de pontas duplas. Sendo assim, as pessoas com cabelos alisados devem preferir coloração sem amônia. A regra geral é que a química do alisamento seja compatível com a da coloração. Para maior segurança, recomenda-se que um profissional experiente faça a análise.

Pintei. E agora, como cuidar?

Quem pinta os cabelos tem que correr atrás: tem que buscar produtos próprios e tratamentos diferenciados para manter a luminosidade e a hidratação. As opções são inúmeras. Ricardo Klein, da Ophicina do Cabelo, ensina: "A cliente deve ter uma rotina: usar bons produtos ao lavar, hidratar em casa com uma máscara uma vez por semana, sempre usar protetores térmicos antes da chapinha e do secador, aparar os fios de três em três meses, frequentar o salão para tratamentos e jamais esquecer de usar protetor solar nos fios quando se expuser ao sol."

Andrea, do Walter's, lembra que é importante o uso contínuo de xampus e condicionadores que reavivem a cor. O supermercado está cheio de ótimos produtos, mas os salões de beleza e lojas especializadas também oferecem uma variedade enorme de cosméticos profissionais.

Na hora do retoque, fique ligada. Ricardo, da Ophicina do Cabelo, explica que não se deve aplicar cor em cima de cor. "A cliente precisa apenas retocar o que estiver sem cor, ou seja, a raiz que cresceu. O tempo de retoque varia de acordo com o crescimento dos fios, mas fica entre 20 dias e dois meses", esclarece. No comprimento, diz Andrea, a tintura deve ser refeita apenas se houver desbotamento. Mas isso pode ser resolvido facilmente com um tonalizante.

Dúvida

Se você ainda não tingiu os fios, mas está louca para se arriscar, preste atenção. Os principais erros cometidos na tintura, segundo são o clareamento em excesso ou o escurecimento exagerado dos fios. "Os problemas ocorrem principalmente quando a tintura é feita em casa. E vira uma bola de neve: para acertar a cor que foi colocada errada, os produtos usados são sempre mais fortes, o que provoca certo ressecamento", alerta Dilma Xavier.

Deixar a tintura mais do que o tempo necessário oxida o fio. Problemas também podem acontecer quando a pessoa, ao invés de apenas retocar a raiz, faz o procedimento no cabelo todo. "Isso afeta muito os fios, tinta sobre tinta vai danificá-los ainda mais", sentencia Marcio Mello.

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe seu comentário, sua opinião é muito importante para o Blog!!!

 

Cantinho da Beleza e Cia. Copyright © 2010 Designed by Ipietoon Blogger Template Customizado pelo Cantinho do Blog. Imagens Jogo de Meninas e pngs Deviantart